João Paulo Meirelles Fotografia 

Eu, QUEM?

João Paulo Meirelles

Sobre mim... Bom mineiro que sou, não dispenso pão de queijo, e não tiro o UAI da ponta da língua. Mantenho firme meu vício no café, principalmente em um tranquilo dia nublado, com clima propício pra se apreciar um bom livro. Apaixonado por viagens, sempre que posso, coloco o carro na estrada, e renovo a alma conhecendo lugares novos, pessoas novas, gostos diferentes, alimentando minha grande atração pelo desconhecido. Fã de cinema, sempre dou algumas voltas na fantasia, prestando muita atenção nos trabalhos dos meus diretores favoritos como Wes Anderson. (mas aumento o volume da TV quando o carinha do filme é o Spiderman, kkk). Adoro minha família e meus amigos, e os momentos que passo junto com eles, as histórias que vivemos juntos, tanto as tristezas quanto os copos de cerveja, e estou sempre com minha câmera por perto, porque sei que as pessoas vêm e vão, as crianças crescem, os estilos mudam, tudo se transforma. E rever estas fotos daqui a 10 anos vai ser divertido, não acha?! Minha paixão pela fotografia começou muito antes de segurar uma câmera... Começou vendo minha mãe com uma câmera de filme, Yashica MF-3, (que guardo com cuidado até hoje) registrando os momentos em família, e formando nossa “caixa de sapatos fotográfica”. Algo que existe em quase todas as famílias. São aqueles registros que nos arrancam gargalhadas e de vez em quando uma lagrima ou outra, quando vemos e revemos depois de anos. Foi em 2012. Na época eu tinha 19 anos e naquele dia, saí cedo pra trabalhar como de costume. Coloquei nas costas a mochila com alguns pertences, e como na maioria das histórias, não sabia que mais tarde me depararia com algo que mudaria o rumo do minha estrada. A possibilidade de fazer da fotografia, meu meio de vida. A fotografia bateu na minha porta e só a deixei entrar. Desde então, me fascina constantemente com duvidas, questionamentos, essa beleza mostrada que é ouvir o som de uma gargalhada no pensamento ao ver uma foto de um sorriso sincero, ou a leveza de uma lagrima quando carrega consigo toda uma história. E a ideia de que a todo esse tempo que mantenho firme uma câmera na mão, deixo um pouco de mim para as pessoas na qual me convidam para contar suas histórias, e por acaso ou poesia, algumas dessas pessoas ainda faço parte de suas vidas. Vamos tomar um café! Gostaria de conhecer mais sobre você ! :)

Serviços

  • Fotografia
  • Ensaios
  • Casamentos
  • Ensaio de Moda

Galeria de fotos

Contato

Deixe seu comentario